O poder é teu. Se deixares, pode ser nosso

O poder é teu, sempre teu.
Quem decide aquilo que fazes?
Pensa bem antes de reponderes imediamtamente a esta pergunta. Dou-te este conselho de borla, porque ele vale tão pouco se não lhe prestares atenção.
Mas no fundo se parares um pouco antes de dares corda ao pensamento, se deixares que a razão seja atempadamente travada, pela percepção que deves ter algo mais do que a razão, no final da preciosa reflexão, perceberás que tenho efectivamente, alguma razão.
Então, vamos por partes.
És tu que decides sempre aquilo que fazes, mesmo quando não fazes alguma coisa, por achares que não podes, ou porque não te deixam.
Se não podes ou não te deixam, foi porque numa primeira instância, pensaste e decidiste que querias fazer algo, que não dependia totalmente da tua vontade, lá está tiveste o poder de decidir.
Depois decidiste, mesmo sabendo que provavelmente seria difícil alcançares o teu objectivo, confrontar o poder decisor com a tua vontade, pelo que tens de aceitar de peito abero as consequèncias da tua decisão.
Isto é apenas uma amostra.
À medida que cresces, apercebes-te que cada vez mais controlas os teus caminhos, e passas por eles com a majestosidade de quem tudo pode, menos aquilo que não pode.
Não poder é bem diferente de não te deixarem fazer.
Quando és crescido, percebes que só não podes fazer aquilo que não queres fazer, porque quando o queres fazer, arranjas sempre maneira de poder, nem que para isso tenhas de deixar de poder fazer outra coisa qualquer.
O poder é, todavia, uma coisa ambígua, mas é nessa ambiguidade que reside toda a sua força.
Vejamos, ter o poder de decidir, é um expectro libertino, que muita gente não conhece.
Não poder, ou melhor não tero poder de querer, é como estar preso.
Até um bebé tem poder desde cedo.
Quer comer, chora, e alguém lhe enfia alguma coisa pela guela abaixo, tem cocó, grita e alguém lhe vem limpar a fralda, por aí fora.
Quem vive desprovido de qualquer capacidade de poder, vive desarmado, vive condenado, não vive, está já enterrado ou de funeral preparado.
Luta! Porque queres e acima de tudo, PORQUE PODES!!!!!
Se fizeres por isso, o poder passa de mim para ti, de ti para mim.
Deixa de ser uma coisa minha, tua, dele, deles, passa a ser NOSSO!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s