Há coisas que eu não entendo

Pois bem, há de facto coisas nesta vida com as quais tenho alguma dificuldade em lidar.
Por exemplo, ontem estive num bar na margem sul, ali para os lados do Barreiro, e eis senão quando, dou por mim a deparar-me de frente com uma jovem, no auge dos seus 22, ou até mesmo, já que estamos numa de exageros, com 23, que combinava uma indumentária de chorar, de chegar a casa e ir direito ao bisturi, para poder vazar os olhos, ou pelo menos o esquerdo, já que o direito passa a vida a dormir, para assim não ter de continuar pela vida fora a ver imagens daquelas.
A jovem abécula fazia-se acompanhar de um casaco com brilhantes, umas calças pretas com Collant preto, assim muito justas no tornozelo e depois, pimba, espeta-me com uns sapatos de salto alto de verniz, roxo choq.
Jesus, que até me faltou o ar. No entanto, não foi para isto que vim aqui deixar uma mensagem.
Aquilo que de facto me fez bastante impressão foi o ter sabido esta semana, que os ruivos estão em vias de extinção.
Ora, sinto hoje então uma enorme tristeza. Eu que sou ruivo na parte inferior da cara, na região vulgarmente chamada de barba. E é um ruivismo merecedor de atenção, de carinho e sobretudo dos tão célebres cognomes de ruivinho, ou cenourinha.
Assim, venho aqui então dar o mote para que se crie a UR(União Ruiva), ou a LAR(Liga dos Amigos dos Ruivos), ou mesmo a CPRPE (Comissão para a Protecção do Ruivo em Extinção), a fim de se preservarem as fantásticas propriedades e qualidades desse tão nobre cidadão que é o cidadão Ruivo, que tanta cor traz as cidades e vidas em que existe, e que tanta falta fazem a este mundo.
Por isso vamos então por mãos à obra e tratar de salvar a população ruiva.
Cientistas, médicos, Jornalistas, ou até FUTUROS JORNALISTAS(hum, que coincidência, estas duas palavras aparecerem em letra maíscula, mas prossigamos), engenheios, advogados, trabalhadores por conta própria ou por conta de outrém, estudantes, desempregados, solteiros e casados, ruivos, vamos começar a celebração da ruivez e vamos ajudar a preservar a raça ruiva.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s